Home

  Galeria de Fotos

  História do Grupo

  Repertório

  Últimos Eventos

  Igrejas Alagoanas

  Poemas

  Links

  Parceiros

  Notícias

  Agenda

  O Grupo

  Página Restrita

  Fale conosco



Não vê essa imagem? Então clique aqui com botão direito do mouse e depois em Mostrar Imagem.


POEMAS DE AMOR E REFLEXÃO

1. PROCURO ALGUÉM

Procuro alguém...

Não alguém especial, mas apenas que goste de fazer um carinho, mesmo sem esperar receber, pois, os meus carinhos serão todos seus.

Procuro alguém...

Que esteja sempre ao meu lado, porque ao seu lado sempre estarei.

Procuro alguém...

Que me dê um colo quando um consolo não for o bastante, pois no meu você terá sempre o seu lugar reservado.

Procuro alguém...

Que me cale com um beijo, pois ele fará muito mais do que se possa imaginar.

Procuro alguém...

Que fale sempre olhando nos meus olhos, para que eu possa ver neles o brilho do seu olhar...

Procuro alguém...

Que a sinceridade seja uma constante, pois sem ela nenhum de nós estará vivendo a realidade...

Procuro alguém...

Que seja sempre uma eterna criança, para curtirmos a vida intensamente, como se não houvesse o amanhã...

Procuro alguém...

Que enxugue as minhas lágrimas, mesmo quando estas forem de alegria...

Procuro alguém...

Que seja acima de tudo um grande amigo, pois o amor nada mais é, do que uma grande amizade que se incendiou...

Procuro alguém...

Que queira comigo dividir seus momentos difíceis, não se julgando por isso incapaz de solucioná-los sozinho...

Procuro alguém...

Que seja também um romântico, do tipo que ainda manda flores, para trocarmos juras de amor à moda antiga, entre prosas e versos...

Procuro alguém...

Que nunca deixe de sonhar para podermos juntos batalharmos por nossos objetivos...

Procuro alguém...

Que me deseje sempre ardentemente, como se cada momento de amor fosse o primeiro...

Procuro alguém...

Que me ame de verdade como eu sou...

 



 

2. `FÁCIL`

Falar é completamente fácil quando se tem palavras em mente que expressam opinião;

Difícil é expressar por gestos e atitudes o que realmente queremos dizer, o quanto queremos dizer, antes que a pessoa se vá.

Fácil é julgar pessoas que estão sendo expostas pelas circunstâncias;

Difícil é encontrar e refletir sobre os seus erros, e tentar fazer diferente algo que já fez muito errado.

Fácil é ser colega, fazer companhia a alguém, dizer o que ele deseja ouvir;

Difícil é ser amigo pra todas as horas e dizer sempre a verdade, quando for preciso, e com confiança no que diz.

Fácil é analisar a situação alheia e poder aconselhar sobre essa situação;

Difícil é vivenciar essa situação e saber o que fazer ou ter coragem pra fazer.

Fácil é demonstrar raiva e impaciência quando algo te deixa irritado;

Difícil é expressar o seu amor a alguém que realmente te acolhe, te respeita e te entende. E é assim que perdemos pessoas especiais.

Fácil é mentir aos quatro ventos o que tentamos camuflar;

Difícil é mentir para o nosso coração, pra nós mesmos.

Fácil é ver o que queremos enxergar;

Difícil é saber  que nos iludimos com o que achávamos ter visto; Admitir que nos deixamos levar mais uma vez, isso é difícil.

Fácil é dizer “oi!”Como vai?

Difícil é dizer “adeus!”principalmente quando somos culpados pela partida de alguém da nossa vida. 

Fácil é abraçar, apertar as mãos, beijar de olhos fechados.

Difícil é sentir a energia que é transmitida, aquela que toma conta do corpo como uma corrente elétrica, quando tocamos a pessoa certa.

Fácil é querer ser amado;

Difícil é amar completamente só, amar de verdade sem ter medo de ouvir, amar e se entregar e aprender valorizar somente a quem te ama.

Fácil é muito fácil ouvir a música que toca;

Difícil é ouvir a consciência acenando o tempo todo, mostrando nossas escolhas erradas.

Fácil é ditar regras;

Difícil é segui-las, ter a noção exata de nossas próprias vidas, e não ter noção da vida dos outros.

É muito fácil perguntar o que deseja saber;

Difícil é estar preparado para escutar essa resposta ou querer entender a resposta.

Fácil é chorar ou sorrir quando dá vontade;

Difícil é sorrir com vontade de chorar.

Fácil é dar um beijo;

Difícil é entregar a alma sinceramente por inteiro.

Fácil é sair com várias pessoas ao longo da vida;

Difícil é entender que poucas delas vão te aceitar como és, e te fazer feliz por inteiro.

Fácil é ocupar a caderneta telefônica de alguém;

Difícil é ocupar o coração de alguém, saber que é realmente amado.

Fácil é sonhar todas as noites;

Difícil é lutar por um sonho.

Eterno é tudo aquilo que dura uma fração de segundos, mas com tamanha intensidade que se petrifica e nenhuma força jamais resgata.

 


Não vê essa imagem? Então clique aqui com botão direito do mouse e depois em Mostrar Imagem.




Site pronto: NetFacilita